Eles moram em uma casa dominada

Um computador de tela de toque, colocado na cozinha nos permite gerenciar toda a casa

Neste Artigo:

A casa de Virginie R. e as respostas de um profissional de automação residencial, Marc-Antoine Micaelli, criador e líder da rede Domoconsulting. Entrevistado por Bérangère Larivaud

Por que você criou o Domoconsulting?

Eu tinha notado que os produtos de automação residencial estavam se tornando cada vez mais tecnológicos. Indivíduos foram perdidos e instaladores muito pouco acompanhados por industriais. Como resultado, muitos sistemas de automação residencial não funcionavam porque eram mal projetados. Daí a ideia de criar a Domoconsulting, em 2004, uma rede de engenheiros consultores em automação residencial que acompanha os proprietários na predisposição do habitat, na escolha de tecnologias e na instalação.

De onde vem a mania de automação residencial?

O n√ļmero de casas domotizadas est√° aumentando em 30% ao ano. √Č uma evolu√ß√£o forte, mas est√°vel. E √© melhor assim. N√≥s preferimos um mercado que cresce normalmente ao inv√©s de uma explos√£o que atraia oportunistas e bandidos.

O que acontece com o n√ļmero de produtos oferecidos pelos fabricantes?

Nesse lado, explode, de fato. √Č por isso que nossos engenheiros passam de 30 a 60 dias por ano treinando, compartilhando experi√™ncia e certifica√ß√£o de produtos. N√≥s testamos e certificamos os produtos n√≥s mesmos. Apenas 50 a 60% deles obt√™m certifica√ß√£o.

Quais são os freios na automação residencial hoje?

Primeiro, o fato de que a automa√ß√£o residencial n√£o participa da avalia√ß√£o de uma propriedade. De fato, talvez isso mude, mas no momento n√£o traz valor agregado a uma casa. Ent√£o, a automa√ß√£o residencial ainda carrega uma m√° confian√ßa de capital, devido ao fato de que n√£o muito tempo atr√°s, as instala√ß√Ķes eram muitas vezes mal projetadas. E depois h√° o custo dos produtos e a expertise dos t√©cnicos para a implementa√ß√£o. O or√ßamento destinado √† automa√ß√£o residencial vem muito atr√°s do DIY e da decora√ß√£o.

testemunha

"H√° quatro anos, constru√≠mos uma casa de cidade com um pequeno jardim. Quer√≠amos integrar automa√ß√£o e um sistema de seguran√ßa. Muitas vezes estou sozinha com as crian√ßas durante a semana. Ent√£o eu precisava me sentir segura. Eu havia perguntado pela internet. Ent√£o entrei em contato com a rede Domoconsulting. A casa n√£o estava acabada. Era o momento certo para planejar a fia√ß√£o. N√≥s fomos muito bem aconselhados. Hoje, estamos equipados com um computador touch screen, colocado na cozinha, e isso nos permite administrar toda a casa: podemos abrir e fechar as venezianas, ligar e desligar as luzes e o sistema de alarme, regular o aquecimento e tamb√©m controlar nossas despesas com energia. Tornou-se o jogo favorito das crian√ßas. Ao visualizar o que voc√™ consome, voc√™ presta mais aten√ß√£o √†s luzes, o tempo gasto no chuveiro. √Č muito √ļtil em uma base di√°ria. Em rela√ß√£o √† seguran√ßa, temos uma c√Ęmera externa, detectores de presen√ßa dentro e fora, um alarme que ativa automaticamente gra√ßas a um crach√° quando saio de casa. √Ä noite, se algu√©m passa pelo nosso port√£o, as luzes do lado de fora acendem e uma voz me avisa, o que √© muito dissuasivo para intrusos. Todo o sistema √© f√°cil de usar porque √© muito intuitivo. Claro, isso √© um or√ßamento, mas fizemos isso passo a passo. Estamos muito felizes com o resultado. "

Vídeo: A ILHA MAIS PERIGOSA do BRASIL: ILHA DAS COBRAS

Compartilhe Com Seus Amigos:
Eles moram em uma casa dominada
‚á° Em Cima